Clareamento dental Clínica SER Odontologia

Estética / Clareamento dental

Clareamento dental Clínica SER Odontologia

Qualquer pessoa pode fazer clareamento? O procedimento causa dor?
Antes de tomar a decisão de clarear os dentes, iremos medir as expectativas do paciente e analisar o caso separadamente. De um modo geral, vamos separar os casos em três categorias e com certeza você estará incluido em um deles:

1 - Paciente perfeito para clareamentos
São pacientes com dentes naturais, sem restaurações estéticas e com gengiva saudável.

 

2 - Clareamento viável
Pacientes com restaurações estéticas anteriores (essas restauraçôes vão parecer escuras após o tratamento e deverão ser trocadas após o tratamento) obs- somente os dentes naturais clareiam B-pacientes com próteses anteriores (essas próteses tambem deverão ser trocadas).

 

3 - Clareamento inviável
A) Pacientes com problemas gengivais
B) Hipersensibilidade dentaria exagerada.
C) Idade menor que 16 anos.

Existem diversos produtos no mercado que possibilitam o uso diurno ou noturno, doméstico ou no consultório, mais concentrados ou menos, mas todos são aplicados com uma moldeira confeccionada pelo dentista. Cada caso deve ser estudado separadamente.

Na maioria dos casos, prefirimos um gel de Peróxido de Carbamida a 16%, usado à noite, nos casos em que o paciente tem sono profundo, pois as moldeiras são uma pedra no sapato para aqueles que tem dificuldade em dormir incomodados.

Para os casos de sono leve recomendo o uso por 4 horas durante o dia , embora aumente o numero de dias usados, o resultado também é satisfatório.

Observação: Quanto mais escuros os dentes, maior o resultado e a satisfação do paciente , e quanto maior a idade, maior a dificuldade em clarear. Em todos os casos o tabaco e o café são contra indicados durante o tratamento. Para aqueles que não dispoem de tempo ou paciencia, existe um outro produto disponivel: é o Peroxido de Hidrogênio a 35 %, que é usado pelo dentista no consultório; esse produto mais agressivo , tem resultados mais rápidos, embora em algums casos precise ser complementado com um pouco de clareamento doméstico.

Em todos os casos, sensibilidade nos dentes e gengiva se faz presente e regride naturalmente. Caso essa sensibilidade for exarcebada deve-se parar o tratamento e consultar o dentista. É de bom tom, realizar uma aplicação de fluor pos tratamento usando-se as mesmas moldeiras utilizadas para clarear.

Existem vários produtos, todos com um paciente especifico, nunca se conseguiu mudar um sorriso tão rapido e com um custo tão acessivel.

O que é faceta (laminado de porcelana)?
O laminado é uma restauração que envolve apenas a face vestibular (frontal) dos dentes. Esse tipo de restauração pode ser executada com resina composta (diretamente na boca do cliente), com resina elaborada laboratorialmente ou, ainda, com porcelana, que traz as vantagens estéticas e de estabilidade de cor, também executadas no laboratório, ou seja, fora da boca.

Em que situação é recomendada?
A faceta Iaminada geralmente é recomenda da por motivos estéticos, tais como dentes escurecidos ou excessivamente restaurados na face frontal; além disso, pode corrigir o aspecto anatômico de dentes mal formados.

Clareamento dental Clínica SER Odontologia

Qual a vantagem desse tratamento?
A vantagem primordial consiste na preservação de estrutura dental sadia. Com essa técnica, desgastam-se menos os dentes.

Substitui a coroa de jaqueta?
Com certeza, nos casos onde é apenas necessário restaurar a face (vestibular) dos dentes, não estando as outras faces comprometidas por cáries ou restaurações, a ponto de justificar o desgaste para a colocação de jaqueta ou coroa metalocerâmica.

Destaca-se facilmente?
Não, desde que se providencie boa colagem e boa silanização (processo que possibilita adesão da resina cimentante com a superfície interna da faceta de porcelana.

A cor se mantém?
Como as porcelanas têm boa estabilidade de cor, as facetas confeccionadas com esse material não sofrem alteração.

Precisa de controles e manutenção periódicos?
Como qualquer tipo de restauração, as facetas laminadas exigem reavaliação constante; contudo, a manutenção consiste apenas na higienização das superfícies dentais e, em especial, da junção dente-restauração.

Enquanto é feita, os dentes ficam desprotegidos?
Durante a fase de confecção da faceta laminada no laboratório, o dentista deve colar uma faceta de resina provisória com adesão limitada a uma pequena área, para facilitar a remoção na consulta final.

O custo é alto?
O custo é comparável ao de uma coroa metalocerâmica ou coroa totalmente cerâmica.

Qual a durabilidade?
A durabilidade está associada ao sucesso da colagem, tanto na superfície cerâmica quanto no dente, pois a porcelana, uma vez colada, torna-se extremamente resistente.